7 dicas úteis para mudar de casa

Começou tudo quando saí de casa dos pais para viver com o namorado. Depois voltei a empacotar tudo e a guardar para sair do país. Depois fui para a Grécia e agora voltei a pegar em tudo e a desempacotar na casa nova (aqui). Entre tanta mudança de casa começo a tornar-me entendida na coisa. Não sou nenhuma mestre, é verdade, mas quase. Por isso, hoje partilho convosco algumas dicas úteis para uma mudança de casa mais calma e organizada.

Empacotar

Enquanto que a parte chata e cheia de papelada se arrastava fui adiantando serviço e fui empacotando tudo devidamente e com tempo. Para não haver muita confusão na casa empacotei por zonas da casa e escrevi em cada caixa o que tinha (copos, panelas, livros, candeeiros, roupas, etc, etc). Felizmente, esta parte foi fácil porque já tinha a maioria de móveis, decorações e outros afins empacotados, identificados e guardados.

Serviços

Depois de tudo empacotado e com a chave na mão tratei dos serviços necessários de todas as casas. A água, a luz e o gás são necessários e indispensáveis para qualquer pessoa. Também é obrigatório alterar a morada do cartão único e tudo isso e demorado e envolve alguma papelada e documentação.

 

Limpeza aprofundada

A casa nova vazia é a melhor altura para limpar tudo. Desde tectos, janelas e tudo mais que fica escondido e de difícil acesso quando a habitamos. A tarefa e árdua mas vale a pena e é mesmo necessária.

 

Apenas o necessário

Levar só e apenas aquilo que precisamos e gostamos. Enquanto arrumamos vamos encontrar de tudo. Coisas que já nem sabíamos que tínhamos, coisas novas, coisas estragadas e muita coisa que e apenas “lixo”. Mudar de casa é isto também, uma limpeza de coisas velhas, feias e usadas que darão lugar a coisas novas e giras.

 

Planear o dia de mudança

O dia que damos início ao transporte das coisas todas para a casa nova é dos dias mais importantes, e cansativos também. Requer muita força, paciência e amigos também. Há a possibilidade de serem empresas especializadas em mudanças mas acho que tem imensa piada e dá mais gosto quando somos nós próprios a fazê-lo. Com uma boa dose de amigos e familiares tudo se torna mais fácil, divertido e rápido.

 

Arrumação

A parte mais confusa de todas. Vai ser caixotes, sacos e móveis por todo o lado. A maior bagunça acontece nesta altura, mas para facilitar as coisas aconselho que ao trazer as coisas as deixem logo na respectiva divisão da casa. Como por exemplo, a caixa das panelas na cozinha, a da roupa nos quartos e por assim a diante. Isto poupa-nos uns quantos passeios com as caixas na casa.

 

Decorar e disfrutar

O maior gozo de todos é quando temos tudo arrumado e nos dedicamos aos pequenos pormenores que tornam aquela casa ainda mais nossa. Os primeiros tempos vamos querer comprar tudo e mais alguma coisa mas isto leva tempo e requer poupança também. Depois, é só desfrutar daquilo que é nosso e nos deu tanto gosto em preparar.

 

**foto retirada da internet 

Artigos relacionados

Sintra, um verdadeiro conto de fadas O tempo tem passado a mil e entre milhentas coisas para fazer esta semana tirei uns dias para conhecer mais um cantinho português. Sintra, conhecida d...
Desenio, uma decoração que nunca falha Chegaram. Sim, os quadros mais badalados do momento chegaram a minha casa.  Como sabem comprei casa recentemente (aqui). Já tinha imensas coisas de d...
Imperdíveis dos Açores Continuo pelos Açores, mais precisamente pela ilha de São Miguel e continuo também sem palavras com tamanho paraíso português! A tranquilidade, as pai...
Skog, os teus óculos de sol Quem adora óculos-de-sol põe a mão no ar (aposto que somos muitos). Todos adoramos óculos de sol e a verdade é que já ninguém vive sem eles nos dias...

Deixe uma resposta