Adeus Açores

Este paraíso português que estava a comportar-se tão bem decidiu tramar nos ao terceiro e quarto dia e mostrar-nos o que é um dia feio feio para passear. Não vimos a luz do do durante todo o dia, o que não é muito agradável em plena primavera. Não choveu, o que já não é mau de todo e deu para continuar à descoberta da ilha.

Começamos pelo parque da Ribeira dos Caldeirões na zona noroeste da ilha, bem perto da zona de Maia, onde dormimos e depois rumamos ao centro.

Parque da Ribeira dos CaldeirõesAdeus Açores

Adeus Açores

O parque da Ribeira dos Caldeirões é paragem obrigatória a todos aqueles que gostam de apreciar a Natureza em tudo o seu esplendor. Além da verdejante e diversa fauna possui uma bela cascata. É possível fazer também imensas actividades desportivas dentro do mesmo.

Lagoa das Furnas 

Adeus Açores

Adeus Açores

É aqui que podemos toda a maior atividade vulcânica da ilha. Nas suas margens podemos encontrar as famosas caldeiras onde se faz o típico cozido que é servido nos restaurantes.

O cheiro é muito característico e demasiado forte, na minha opinião. Confesso que não consegui estar lá muito tempo, por isso é que nem tenho grandes fotos. Além disso, as caldeiras não são uma coisa propriamente bonita de se ver.

Igreja de Nossa Senhora das VitóriasAdeus Açores

Uma igreja imensamente bela mas que se encontra fechada ao público. Podemos somente visitar os jardins em redor que são da mesma forma bonitos.

Jardim Terra Nostra

Adeus Açores

Jardim fantástico e imperdível. Sou uma apaixonada pela natureza e pela tranquilidade da mesma e este sítio é tudo isso e muito mais. A entrada é um bocadinho puxada (8 euros) mas vale realmente a pena.

No interior do mesmo encontramos o famoso lago com água de cor diferente e que todos querem experimentar. Eu optei por não o fazer porque iria posteriormente para a Poça Dona Beija, mas o sitio está sempre cheio apesar da cor da água, rica em ferro.

Poça Dona Beija

Adeus Açores

Adeus Açores

Um dos melhores sítios da ilha e completamente obrigatório um mergulho nas suas piscinas. Este SPA a céu aberto tem um custo de 4 euros por pessoa e é composto por 5 piscinas (4 quentes e uma de água morna).

O local é muito procurado na parte final do dia por namorados. Diz-se que fica ainda mais bonito mas infelizmente não tive oportunidade de visitar nesta altura do dia.

Ermida da Nossa Senhora da PazAdeus Açores

No topo de Vila Franca do Campo encontramos o Santuário em honra à Santa. E é no alto do escadario que podemos admirar a beleza da vila e o seu ilheu, onde é realizado uma das etapas do Red Bull Cliff Diving.

Plantação de Ananases – A ArrudaAdeus Açores

Adeus Açores

Adeus Açores

A visita aos ananases foi realizada horas antes do voo e como se já não bastasse também chovia imenso. Como tal, corri entre as estufas para ver as mais diversas fases dos ananases. A entrada é gratuita e apenas nos dão um folheto à entrada com alguma informação.

Haverá com certeza mais visitas, por isso,

Até já Açores

Artigos relacionados

Em contagem decrescente … Chegamos ao desejado mês de Dezembro. O último, o mais apetecido e sempre o mais bonito. É o mês de finaliza um ano fantástico e nos traz outro melhor...
Tessalónica, uma cidade com história Partimos de Agrínio eram 18 horas. Passadas 4 horas chegamos aquela cidade que nos recebeu tão bem este fim de semana - Tessalónica. Tessalónica ou s...
Pelas ruas de Argostoli Foi precisamente no centro da ilha, na sua capital que fiquei alojada durante estes 4 dias de Páscoa Grega! Em Argostoli, no hotel Ionian Plaza Hotel,...
Olímpia, a cidade onde tudo começou Quem me segue pelo Instagram percebeu que o fim-de-semana passado estive por Olímpia. Foram 2 dias apenas. Mas que souberam tão bem para descansar e p...

Deixe uma resposta